Home > Filmes > 500 days of summer

500 days of summer

Assisti uma comédia romântica (não tão romântica assim) com uma linha de pensamento e estruturação um pouco diferente do que o que nos é oferecido normalmente pelos estúdios acostumados a produzir comédias. Foi bobo o motivo de eu resolver assistir a esse filme especificamente, pois adorando entrar em comunidades ao deus-dará mesmo quando nem entendo do que se tratam direito, não consegui não dar atenção ao nome dessa comunidade dedicada ao seguinte diálogo:

Guy – What happens, if you fall in love?

Girl – You don’t believe that, do you?

Guy – It’s love, it’s not Santa Claus.

http://www.orkut.com.br/Main#Community?cmm=97099334

Achei tão bonitinho que resolvi ver o filme para testemunhar essa conversa.

O filme é ’500 days of Summer’ traduzido belamente para o português como ’500 dias com ela’ pois afinal a protagonista chama Summer. Então para que manter a ambigüidade se da para acabar com ela tão facilmente!

Agora indo ao filme, os atores estão muito bem e tem a tão falada química, além de serem lindos. ( se for do seu interesse procure os nomes! ) Mas não seriam nada sem um bom roteiro.

– 500 days of Summer não é uma história de amor, é uma história sobre amor (como o narrador de voz grave faz questão de salientar).

2 ° A estrutura narrativa utiliza brilhantemente o título do filme (não vou spoilear). O que é mais um fator que o faz fugir do padrão das comédias românticas tradicionais e o coloca num patamar bem acima dessas.

Bem, não vou comentar a história em si ( não sou nenhuma crítica/entendedora de cinema, e é mais gostoso não saber o que vai acontecer) o importante a saber é que é bom, tem uma narrativa diferenciada e as inserções do narrador são sempre engraçadas e úteis.

Ah, falar de uma só não dói XD

Narrador de voz de trovão:

‘ – In this World there are two kinds of people ……… Men ….. and Women’

Se vc não achou graça nisso, não veja o filme.

Advertisements
Categories: Filmes
  1. Darsayev
    January 31, 2011 at 4:42 am

    Incrível, achei o filme em uma situação idêntica à sua, e o mais legal disso é por ser logo esse filme, não quero dizer o porquê da ironia nisso para, assim como você, não dar spoilers dele.

    ps: também achei teu blog totalmente ao acaso, às 2 da manhã, emocionado após assistir a esse filme tão “bonitinho” como você perfeitamente descreveu (o que confesso ter me deixado curioso para ler as outras postagens).

    Espero ter recomendações de coisas tão interessantes aqui como o FTDOS. =)

    • Darsayev
      January 31, 2011 at 4:43 am

      ps²: ficaria honrado com uma resposta

    • July 19, 2011 at 5:06 pm

      fico muito feliz que vc tenha gostado do post e do filme.

      voltarei a usar aqui de verdade.

  2. January 31, 2011 at 5:54 am

    Desculpa, fiquei tão mexido com o filme que acabei fazendo um blog e vindo dar follow no teu. Coisa louca, amanhã estarei morrendo de vergonha disso. (não aceita esse post, é da mesma pessoa dos anteriores)

  3. Darsayev
    July 20, 2011 at 2:02 am

    Deus, você respondeu. hahaha

  1. No trackbacks yet.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: